JA Wall - шаблон joomla Форекс

A revista eletrônica de divulgação científica, DESIDADES, pretende ser um dispositivo que: 1) Divulgue junto ao público mais amplo a produção científica de docentes, pesquisadores e pós graduandos relativa às questões atuais da infância e juventude no país, e no âmbito dos países da América Latina; 2) Articule, em rede, pesquisadores dos países latino-americanos em torno das questões da infância e juventude na agenda pública.

Este projeto se constitui a partir de uma parceria entre o NIPIAC (Núcleo Interdisciplinar de Estudo e Pesquisa para a Infância e Adolescência Contemporâneas), as Faculdades de Educação da UFRJ e da UFF e o Instituto de Psiquiatria da UFRJ, mais especificamente o SPIA, Serviço de Psiquiatria da Infância e Adolescência.

Projeto que abriga as ações e intervenções relacionadas aos projetos de pesquisas sobre participação política e social de crianças e jovens.

Parceria entre o NIPIAC, as Faculdades de Educação da UFRJ e da UFF e o SPIA, Serviço de Psiquiatria da Infância e Adolescência - IPUB-UFRJ. Visa cooperar na formação de professores, refletindo sobre o mal-estar na escolarização de crianças através de uma perspectiva interdisciplinar.

A partir da categoria infância e na interlocução entre educação e psicanálise, interessa-nos problematizar o campo da subjetivação e do entre quem ocupa o lugar de ensinar e aquele que ocupa o lugar de aprender.

O presente projeto consiste em um estudo longitudinal de casos de crianças e adolescentes encaminhadas ao SPIA/IPUB pela escola com queixas de “dificuldades de aprendizagem” e/ou “agitação”.

O presente projeto consiste em um estudo longitudinal de casos de crianças e adolescentes encaminhadas ao SPIA/IPUB pela escola com queixas de “dificuldades de aprendizagem” e/ou “agitação”.

Este projeto de pesquisa tem como objetivo geral construir linhas e problemáticas de investigação que articulem os processos de globalização e a (des-) (re-)articulação de padrões culturais locais de convivência na vida das crianças e jovens promovendo novos modos de subjetivação, identificações coletivas e individuais e relações sociais.

A pesquisa ‘Sobre jovens e tecnologias: a razão técnica desafia a Educação’ tem como objetivo estudar a relação dos jovens e as tecnologias de informação e comunicação (TICS) identificando e analisando os modos de conviver e conhecer.

O estudo proposto visa analisar a relação entre juventude e os processos de socialização a partir de suas novas configurações, estratégias e valores no âmbito da descentralização das instituições socializadoras como a familia, buscando compreender o papel dos novos agentes socializadores.